Festival Panorama

Com sua primeira edição realizada em 1992, approved o Festival Panorama é feito pela Associação desde 2007 e traz a proposta de ocupar a cidade do Rio de Janeiro com dança, more about artes do corpo e projetos dos mais variados formatos, sildenafil apresentando as relações que o corpo constrói com o espaço, tempo e público através do movimento. Ao longo dos seus 25 anos apresentou companhias e artistas nacionais e internacionais, com papel fundamental na construção da memória da dança e da arte contemporânea no Rio de Janeiro, assim como a importância da relação entre esta e o seu público.

O público do Festival Panorama aumenta a cada ano. Desde a classe artística e especializada até interessados em arte contemporânea, o Festival busca não somente oferecer uma programação inovadora e experimental, mas também promover discussões que atinjam o pensamento e a participação social sobre as mais variadas vertentes performativas.

Todos os anos, nomes internacionais da dança desembarcam no Brasil. Em vinte e duas edições, já foram apresentados nomes como Xavier Le Roy, Jerome Bel, Ballet de Lorraine, Boris Chamatz (França), Boyzie Chekwana (áfrica do sul), BranchNebula (Austrália), Deja Donne (Itália), Filipa Francisco, Tiago Guedes (Portugal), Panaíbra Gabriel (Moçambique), Manuel Vason (Reino Unido), Thomas Hauert, Rosas (Bélgica), Marcel Gbefa (Benim), Contact Gonzo (Japão), Roger Bernat, Olga Mesa (Espanha), taldanscompany (Turquia), Trajal Harrel, Meg Stuart (EUA), Emio Greco (Holanda) entre outros centenas de artistas de todos os continentes.

O Festival Panorama faz parte de importantes redes internacionais e nacionais de artes cênicas, como a Red SudAmericana de Danza, a Next Step, rede europeia financiada pela União Europeia que reúne mais de 10 dos mais prestigiados festivais de artes cênicas contemporâneos da Europa e a IETM, que reúne mais de 500 festivais, centros culturais, teatros e outros agentes das artes cênicas no mundo.

No Brasil o Festival Panorama é membro fundador do Circuito de Festivais Internacionais de Dança e do Grupo de Festivais Internacionais do Rio.

Foto: © CLAP